Mostrando postagens com marcador O Mundo em Imagens. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador O Mundo em Imagens. Mostrar todas as postagens

domingo, 22 de abril de 2018

MINA DE DIAMANTES NA RÚSSIA

     Cidade da Paz - a "capital" do diamante da Rússia, localizada em Yakutia (Sakha) . 

    Geólogos perfuraram no verão 1955 uma mina de diamante chamada de "Paz" que emprestou seu nome à vila dos trabalhadores que cresceu na taiga e tornou-se uma cidade em 3,5 anos.











Fonte: Gelio

A EVOLUÇÃO DO INVENTÁRIO DE GUERRA DE UM SOLDADO

   As fotografias a seguir foram feitas por Thom Atkninson e revelam a transformação dos equipamentos de um soldado inglês ao logo dos séculos, acompanhando as tecnologias de cada época.

1066 - Soldado huscarl: Batalha de Hastings

1244 - Cavaleiro: Cerco de Jerusalém

1415 - Arqueiro: Batalha de Angicourt

1485 - Milícia de York: Batalha de Bosworth

1588 - Soldado armado com arcabuz: Tilbury

1645 - Mosqueteiros: Batalha de Naseby 

1709 - Soldado raso: Batalha de Malplaquet

1815 - Soldado raso: Batalha de Waterloo

1854 - Soldado raso, brigada de rifles: Batalha de Alma

1916 - Soldado raso: Batalha de Somme (Primeira Guerra Mundial)

1944 - Paraquedista: Batalha de Arnhem (Segunda Guerra Mundial)

1982 - Comando da Marinha Real: Guerra das Malvinas

2014 - Engenheiros Reais

   A evolução da tecnologia é um importante fator de modernização da guerra. Isto fica evidente com esta série de fotos. Por exemplo: o rifle de ferrolho foi substituído por fuzis de assalto com mira a laser e túnicas de lã substituídas por coletes de Kevlar. O que não mudou foram os objetivos das guerras, infelizmente.

Fonte: BlazePress

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

O CARNAVAL PELO MUNDO

O carnaval é a festa popular mais celebrada no Brasil e que, ao longo do tempo, tornou-se elemento da cultura nacional. Porém, o carnaval não é uma invenção brasileira nem tampouco realizado apenas neste país. A História do Carnaval remonta à Antiguidade, tanto na Mesopotâmia quanto na Grécia e em Roma.



A palavra carnaval é originária do latim, carnis levale, cujo significado é retirar a carne. O significado está relacionado com o jejum que deveria ser realizado durante a quaresma e também com o controle dos prazeres mundanos. Isso demonstra uma tentativa da Igreja Católica de enquadrar uma festa pagã.


Veja algumas imagens do carnaval pelo mundo.

Bellinzona, Suíça.

Quebec, Canadá.

Ciudad Rodrigo, Espanha.

Nombre de Dios, Panamá.

Fort de France, Martinica.

Las Palmas, Canárias.

Ivrea, Itália.

Mohacs, Hungria.

Nova Orleans, EUA.

Veneza, Itália. 

Dusseldorf, Alemanha.
Abuja, Nigéria.



quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

DISPOSITIVO "ANTIMENDIGO" EM BAIRROS RICOS DE LONDRES

09/06/2014 

     Pequenos espetos de metal foram colocados na fachada de um conjunto de flats para impedir que moradores de rua e pedintes permaneçam no local.
     A instalação de dispositivos "antimendigos" em prédios de alto padrão no centro de Londres tem despertado uma série de protestos nas redes sociais. Esse tipo de alteração arquitetônica posta em prática para afastar moradores de rua e pedintes de certos locais da cidade é questionado pelos internautas, que classificam os dispositivos de "monstruosidade" e "absurdo".
      A polêmica começou depois que uma foto flagrou os pequenos espetos pontiagudos embutidos na fachada de um conjunto de flats, instalados para espantar mendigos e impedi-los de dormir no local. Compartilhada à exaustão na web, a foto viralizou e instigou o debate das medidas "antimendigos". Os mais críticos afirmam que estão tratando os desabrigados "como pombos", comparando os dispositivos intalados aos utilizados para afastar as aves.
Ver imagem no Twitter
     "Tinha uma pessoa sem-teto dormindo aqui cerca de um mês e meio atrás. Aí, há umas duas semanas, eles instalaram esses objetos. Acho que é para espantá-los", disse ao jornal britânicoThe Telegraph uma mulher que vive no conjunto de flats.
     Sob a hashtag "#AntiHomelessSpikes" ("espetos antimendigos"), usuários do Twitter começaram a compartilhar fotos de outros locais da cidade em que esse tipo de dispositivo pode ser encontrado. Segundo instituições de caridade que atuam na área, a prática não é nova; pelo contrário, vem sendo usada há décadas para afugentar moradores de rua.

Ver imagem no Twitter
Após a polêmica, cartazes de protesto puderam ser vistos na fachada do flat: "Casa e não espetos":
     No vídeo abaixo, é possível ver uma investigação feita em 2003 por uma produtora francesa sobre "arquitetura antimendigo" na capital Paris. Aqueles que resistem são chamados de faquirs, em referência ao termo do islamismo que diz respeito a pessoas pobres que peregrinavam por diferentes povoados praticando exercídios de resistência à dor, como deitar-se numa cama de pregos.

"É um escândalo que qualquer pessoa tenha que dormir na rua no Reino Unido em pleno século XXI. Mesmo assim, nos últimos três anos o número de moradores de rua subiu fortemente no país inteiro, chegando a impressionantes 75% em Londres. Por trás desses números, há pessoas reais lutando contra a falta de moradia e cortes em benefícios sociais que os ajudariam a reconstruir suas vidas", assinalou Katharine Sacks-Jones, chefe da Crisis, ONG britânica que cuida de moradores de rua no país.


Fonte: Opera Mundi

sábado, 27 de janeiro de 2018

UM VIADUTO COMO VOCÊ NUNCA VIU!

   Nas proximidades de Magdeburg, Alemanha, existe um viaduto diferente. Ao invés de duas estradas que se cruzam, o Wasserstraßenkreuz é uma ponte hidroviária sobre o rio Elba. 

Wasserstraßenkreuz.
   Como na Europa as hidrovias são bem desenvolvidas e movimentas, obras do tipo são necessárias para facilitar a circulação das embarcações. 

Wasserstraßenkreuz - tráfego de embarcações.


   A obra, que tem 918 m de comprimento, começou a ser construída em 1997 e ficou pronta em 2003, com um custo de aproximadamente 500 milhões de euros. A ponte, cuja forma lembra o casco de um navio e é preenchida de água, liga dois canais hidroviários: o Mittelland e o Elba-Havel.


Explore a região no mapa abaixo.

terça-feira, 14 de novembro de 2017

10 CIDADES PLANEJADAS VISTAS DE CIMA

A maioria das cidades planejadas, provavelmente, não são projetadas com a visão do espaço em mente, mas algumas delas criam incríveis padrões sobre a paisagem que só podem ser verdadeiramente apreciados do espaço, como podemos visualizar na imagem abaixo, de Canberra.

Canberra, Austrália.
Boa parte delas são construídas a partir do zero e nascem de muitas inspirações diferentes. Além disso, são projetadas com alguns objetivos essênciais em mente: otimizar o fluxo de tráfego, maximizar o acesso a espaços verdes e manter tudo no seu devido lugar. Algumas são um compromisso entre duas cidades que estão competindo para ser a capital de seu país – e por isso construídas em um território neutro e em espaços supostamente subdesenvolvidos –, algumas são construídas para manter operários perto de seus locais de trabalho e outras têm a intenção de ser uma espécie de utopia conjugando jardins públicos, passeios, ruas e rodovias em harmonia, a fim de curar a “doença urbana” desenfreada das grandes metrópoles.

Essas vilas, cidades e comunidades podem ser encontradas em todo o mundo. A capital do Brasil – concebida num plano urbanístico conhecido como “Plano Piloto” – com suas formas, funcionalidades e contexto histórico particulares, é um ótimo exemplo desses centros urbanos que não são meros frutos do acaso.

Brasília, Brasil.
Veja abaixo uma série de imagens que nos apresenta as mais impressionantes vistas de cidades planejadas ao redor do mundo sob uma perspectiva espacial.

El Salvador, Chile.
Adelaide, Austrália.
Jaipur, Índia.
La Plata, Argentina.
Washington D.C., EUA.
New Haven, EUA.
Palmanova, Itália.
Belo Horizonte, Brasil.
Localize no mapa as 10 cidades apresentadas:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...